31 janeiro 2017

“Um blog para quem sonha em viajar muito.” Yasmim Graelm


Yasmim Graelm é uma Curitibana de 19 anos estudante de Jornalismo. Nas horas vagas que lhe sobram ela gosta de ler, fotografar, escrever e fazer acrobacias no tecido (é isso que significa gosto por tecido acrobático?). Yasmim já foi uma moça que sonhava em tornar-se uma fada ou aeromoça (eu também já quis isso para mim Yasmim!), seus pais sempre incentivaram suas viagens, o que lhe abriu muitas portas e assim a oportunidade de ser tornar uma blogueira de viagem. Ama praia, cidades grandes e acampamentos, além disso, a mesma cita ter feito amizades em muitos lugares e sonha “em um dia ter todos eles em um só país!” (palavras de Yasmim).

WR.: Você sempre gostou de blogar/vlogar? De onde veio o interesse?

O primeiro blog que eu criei foi com sete anos, ele era sobre Fadas! Acho que já nasceu comigo (risos).

WR.: Há quanto tempo o blog/vlog está no ar?

Dois anos

WR.: Por que o nome “Qualquer Latitude”?

O primeiro nome do blog foi Na Terra dos Coalas, pois eu estava fazendo intercâmbio na Austrália. Quando voltei dei uma pausa de mais de seis meses e voltei para a blogosfera com o nome Qualquer Latitude. O nome surgiu depois de um “brain storm” com meus pais e minha melhor amiga. Pensamos neste nome por me permitir escrever sobre vários países e por uma “brincadeira” com as palavras: Qualquer L’atitude/Qualquer lAtitude.

WR.: Qual a ideia principal do blog?

No começo era mostrar a vida e as dificuldades de um inetrcâmbista. Hoje é dar dicas de destino, estilos de viagem e de como economizar viajando.

WR.: Já utilizou outra plataforma?

Sim, o blogger.

WR.: Você utiliza a plataforma Wordpress, por que a escolheu?

Comecei no blogger, mas tive um problema com a minha conta google e perdi todas as fotos do blog... Foi assim que mudei para o Wordpress.

WR.: Sente alguma dificuldade em conseguir mexer na plataforma Wordpress?

Não, gosto muito do wordpress.

WR.: Alguma, ou algum, blogueiro (a) lhe inspirou a criar o Qualquer Latitude?

A Bruna Vieira (depois dos quinze), a Alana Souza (Se eu fosse Alice) e a Bia Bim (na época ela tinha o blog Aii que linda).

WR.: Teve alguma dificuldade ao escolher que tipo de blog gostaria de ter?

Acho que aconteceu naturalmente. O foco principal é viagem, mas também faço posts sobre o meu dia a dia, posto meus textos, etc.

WR.: Possui algum plano de postagens ou é tudo no aleatório?

Tenho um plano, mas ele varia com a inspiração.

WR.: Notei que você possui um canal no youtube, o que te motivou a criar um canal?

Começou com diários de intercâmbio e hoje tem alguns vlogs e diários de viagem.

WR.: Tem algum vlogueiro que te inspira?

Assisto vários, mas meio aleatório. Na época do intercâmbio eu assistia vários outros diários de intercâmbio, mas hoje assisto mais o que aparece nas sugestões.

WR.: Que tipo de assunto você trata no vlog? Ele é um tipo de extensão do blog?

Viagem. Sim o vlog complementa o blog.

WR.: É você mesma que edita seus vídeos? Sente alguma dificuldade ao fazê-lo?

A maioria das vezes sim. Na série sobre Bonito, Ilha do Mel e Foz do Iguaçu meu namorado me ajudou editando.

WR.: Qual vídeo você mais gostou de fazer? E por quê?

Acho que os de Bonito! A mistura de aventura, água e natureza me encantaram.

WR.: Você teve algum tipo de receio quando resolveu criar o blog e depois partir para um canal no youtube? Chegou a pensar que não poderia dar certo?

Depois que tive um problema com a minha conta do google perdi vídeos, inscritos e minhas visualizações caíram. Isso me deixa um pouco chateada, mas se eu desistir nunca vou voltar a ter o público que eu tinha antes.

WR.: Como se sente estando esse tempo na blogosfera?

Eu aprendi muito e conheci pessoas incríveis! Apesar de dar muito trabalho me sinto realizada como blogueira!

WR.: Para você ser blogueira se tornou uma profissão?

Aos poucos está se tornando <3

WR.: Na sua opinião: o que é necessário para trabalhar no mundo dos blogs/vlogs?

Saber escrever bem e principalmente muita dedicação.

3 comentários:

  1. Olá!
    Adorei conhecer a Yasmim. Ter um blog hoje em dia requer muita dedicação e tempo. Torna-se uma espécie de trabalho.
    Eu também fiz vários amigos ao longo do tempo em que estou nesse mundo de blogs.

    Abraço!
    Tudo Online
    Participe do sorteio do livro "Febríssima"

    ResponderExcluir
  2. Muitas viagens incríveis! Ela é super aventureira! Eu ainda não conhecia nem o blog nem os vlogs dela, já to indo clicar em tudo agora!!
    muito legal a entrevista!
    bjs
    blogtrashrock.com

    ResponderExcluir
  3. Awww que fofa <3 <3 só agora que eu vi! Ficou incrível! Sim eu faço acrobacias hahaha é isso que significa! Fiquei muito feliz em aparecer aqui! Beijos

    ResponderExcluir