30 outubro 2016

Quatro filmes de empoderamento feminino


Ultimamente andei assistindo muitos filmes a quais não tive oportunidade de assistir quando estavam no cinema. Então fui eu atrás de ver se achava os benditos, pois bem eis me aqui para falar sobre quatro filmes que me deram uma visão diferente do “destino feminino”. Alguns mitos mundiais afirmam que a mulher já nasceu com seu lugar na Terra, já estes filmes que serão citados explicam o contrário: lugar de mulher é onde ela quiser.


Para começar vamos de Star Wars: O Despertar da Força, o filme começa com Poe sendo capturado pela Primeira Ordem, mas ele não é levado antes de entregar ao BB-8 a localização do lendário Jedi Luke Skywalker. BB-8 em sua jornada de fugi da Primeira Ordem acaba encontrando Rey. Rey é um jovem que vive no deserto e sobrevive por catar destroços de naves antigas. A menina está esperando sua família vir buscá-la (pois a mesma foi abandonada quando pequena), e mesmo assim resolve ajudar BB-8 a fugir junto com Finn (um fugitivo que de as costas a Primeira Ordem). A questão é que Rey é uma menina abandonada a própria sorte e que tem a oportunidade de “salvar” o mundo, e de contribuir para o mistério que é onde está Luke Skywalker. Sem contar que a garota é escolhida pelo sabre de luz do próprio Jedi Skywalker.  


O outro filme que me deu uma percepção diferente foi Alice Através dos Espelhos. Alice viajou pelos mares, desde o final do primeiro filme, seguindo os passos do pai. Mas ao retornar ela foi novamente reclamada pela rainha Branca, Mirana. O Chapeleiro Maluco acabou de perder sua “muiteza” e para trazê-lo de volta, Alice terá que pegar emprestado a Cronosfera, viajar pelo tempo e descobrir que ela não pode mudar o passado para criar um novo futuro. Alice é uma menina diferente, forte e que não aceita que lhe digam o que fazer. A própria mãe da Alice disse: “Alice é o que Alice quiser ser.”. Quer maiores explicações do que essa?


Já em Caça Fantasmas, nós temos uma releitura do clássico que marcou a década de 90. A cidade novamente começa sofrer ataques de fantasmas enquanto a professora Erin Gilbert tenta esconder dos acadêmicos que escreveu um livro sobre a existência de fantasmas, juntamente, com sua amiga Abby Yates, que agora conta com a ajuda Jillian Holtzman para criação de equipamentos capazes de encontrar qualquer atividade paranormal. Após um aparecimento de fantasma no metrô, Patty Tolan também resolve entrar para equipe e salvar o mundo das mãos dos fantasmas. Quem não se lembra do clássico Caçadores de Fantasmas? Na releitura eles fizeram uso de quatro cientistas mulheres que perderam tudo e de repente se veem na busca de conseguir tudo novamente. Além disso elas ainda são impedidas pelo governo de darem continuidade aos seus estudos, mas nada do que façam as impedem de realizarem seus sonhos.



E o por fim, temos Mad Max: Estrada da Fúria, Max foi capturado pelo exército Immortan Joe, um tirano insano que domina seu povo ao segurar a água capaz de matar a sede da população. Mas, algo está para mudar, pois sua esposa confiável Furiosa decide salvar as garotas que carregam os filhos de Joe. Max para fugir decide ir com Furiosa e as outras mulheres para se salvarem, e novamente, Max se vê entre fugir ou ajudar alguém. Na cena nós temos Furiosa que de donzela não tem nada e rouba toda a cena ao querer libertar as “esposas” de Joe. Ela luta, usa armas e está ali para salvar a população das mãos do tirano Immortan Joe. É um excelente filme de ação. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário