02 julho 2016

Bandas que fizeram parte da minha juventude


Eu tinha apenas 16 anos quando conheci suas variadas músicas, e seus ritmos. Bandas que muitos não conheciam, ou se conheciam não apreciavam, mas que para mim eram – continuam sendo – demais. É óbvio que antes dos 16, na época dos meus 12, 13 anos eu escutei outras bandas, mas as com 16 me fizeram ser quem sou hoje. A listinha é grande, não envolve bandas só de cunho antigo – na verdade envolvem sim! -, envolve bandas que não são tão antigas assim e que ainda trabalham em CD’s e álbuns buscando novos horizontes. Então segue o som.

EVANESCENCE



Sabemos bem que a Amy Lee é uma excepcional cantora. Aquela voz e aquela áurea musical toda dark que envolvem as letras e a sonoridade. Deixando sempre a confusão de que: é um banda gótica ou não? Não! Evanescence não é uma banda gótica. É mais um metalzinho novo (new metal), mas nada gótico. Ela utiliza de uma temática mais dark mesmo, mas é apenas metal. 

 

LINK PARK



Essa sim é uma banda de New Metal. Todo mundo que um belo dia começou a curtir rock (pelo menos na minha época) deve ter começado a curtir Link Park, afinal eles estavam no auge da “modinha” é claro. É praticamente as primeiras bandas de rock que alguém curtiu antes de se auto-intitular um rockeiro. 

CHARLIE BROWN JR.



Nosso eterno Chorão faleceu há uns quatro anos atrás (se não me engano). Mas, suas músicas já faziam sucesso, principalmente porque eram músicas de tema para a Malhação. E se você não o conhecia por sua banda, já tinha ouvido suas músicas na Malhação (na época em que era Malhação mesmo). 

 

NIGHTWISH



Foi a primeira banda a qual escutei quando comecei entrar na vibe gótica. A subcultura começou a me encantar justamente na literatura. Estava vendo a segunda geração do Romantismo e daí comecei a pesquisar mais sobre. Foi então que achei um blog, Gothic World, escrito pela Marina Leal e então conheci a banda NIghtwish. Apesar de ser uma banda em que muitos da subcultura ouvem, ela não é uma banda gótica, mas sim um Metal Sinfônico. Várias cantoras passaram pela banda: Tarja Turunem, Anete Golden e a atual Flor Jensem.

 

WITHIN TEMPTATION



Uma banda liderada pela vocalista Sharon Den Adel, também de Metal Sinfônico. Suas músicas de sonoridade pesada envolvem temas dark. O último CD da banda foi lançado no ano passado, o intitulado Hydra. A sonoridade está diferente, possuindo temas eletrônicos. Muitas bandas têm feito isso para conseguir atingir o novo público que vem entrando no mundo metal.

 

LACUNA COIL



Essa banda possui dois vocalistas: Andrea Ferro e Cristina Scabbia. A banda existe desde 1994 (se não me engano). Sua sonoridade é colocada como Metal Gótico (um termo que muitos góticos não aceitam já que a verdadeira música gótica surgiu do pós-punk), eles utilizam de temas dark para a composição das letras e de melodias pesadas. 

 

THE 69 EYES



Essa banda lembra muito a banda de rock gótico The Sister of Mercy. É uma banda bem rock’n roll mesmo com temas darks. Liderada pelo Jyrki 69, seu último CD foi lançado no ano passado (2015), o intitulado Universal Monster. Sua sonridade é classificada como Rock Gótico.

DELAIN



Conheci essa banda dois antes de ela vir a Brasília fazer um show (a qual não fui! Trágico!), a banda é também de Metal Sinfônico. Liderada pela vocalista Charlotte Wesseles, o último CD da banda foi lançado em 2014, The Human Contradiction.

 

THE CURE



Essa é uma verdadeira banda de Rock Gótico. Vinda do pós-punk, o The Cure EME encantou com sua música (inclusive a primeira que escutei) A Forest. Uma de suas músicas, Boys Don’t Cry, já foi regravada várias vezes por outras bandas (a exemplo de uma das bandas da Disney). O som que a banda faz é bem melancólico e calmo. 

 

THE PRETTY RECKLESS



Essa continua sendo uma das minhas favoritas. Conheci a banda há alguns anos atrás, se não me engano do ano de 2011 para 2012. Taylor Momsen foi meu amor a primeira vista. Essa voz meio rouca e sexy, a sonoridade Rock’N Roll e os temas darks fazem muitos cantar e “dançar” ao som da banda. Seu último CD foi lançado em 2013 ou 2014 (não me lembro mais). 

 

HALESTORM



A banda esteve presente no último Rock In Rio (2015), mas eu já era fã antes de muitos a conhecerem, Izzi Haley é uma vocalista de voz... Não sei nem explicar o timbre de voz dela. Só sei dizer que ela faz os nossos pelos arrepiarem. Ela tem aquele timbre que consegue alcançar notas altíssimas. Seu último CD foi lançado no ano de 2015, Into the Wild Life.

Nenhum comentário:

Postar um comentário