05 novembro 2015

Uma breve história da marca GAP (the gap)

A chamada “geração gap” que teve seu auge com o movimento hippie.


Roupas versáteis e descoladas do mundo. Uma coleção básica, neutra e necessária nos armários e closets do mundo. Essa é a GAP, roupas acessíveis e tendências que sintetizam o visual casual no melhor estilo democrático como um bom moletom. A marca virou ícone varejista para jovens de 12 a 25 anos.

A GAP é uma empresa criada em 1969 na cidade de San Francisco, estado da Califórnia. A primeira loja foi aberta por Donald Fisher e Doris Fisher. Eles estavam frustrados com atendimento e com a moda varejista da época. Um dos lemas da marca era: “Levi’s para moças e rapazes”, porém em 1982 a marca começou a investir em sua própria marca de roupas e parou de vender Levi’s.


Em 1983 a GAP comprou o Banana Republic – loja de roupas de viagens e temas de safári. A primeira loja inaugurada fora dos EUA fora em Londres no ano de 1987. O faturamento nessa época atingia US$1 bilhão.

Lojas inauguradas:

·         1989 – Canadá;
·         1993 – Paris;
·         1995 – Tóquio;
·         1998 – Alaska.

A GAP a partir de então tornou-se ícone do varejo americano.

No ano de 2006 a GAP passou por reformas e modernizações em suas lojas. As novas lojas GAP tinham lousas na porta dos provadores, nas quais eram escritos o nome do cliente; dentro deles, carpetes, controle de luminosidade e botão para chamar o vendedor. Tudo para tornar o atendimento mais pessoal e casual. A entrada do departamento masculino e a do feminino eram separadas e entre as araras havia ambientes com poltronas, jornais e garrafinhas de água. A ideia era eliminar a imagem de loja popular, com nenhuma personalidade e poucos agrados ao consumidor.

A partir do ano de 2007 a GAP inaugurou loja no Oriente Médio, em Milão, na China, no Cazaquistão, Sérvia, Polônia, Chile, Ucrânia, Egito e Marrocos. Atualmente a GAP tenta restaurar o crescimento investindo na coleção lançada em 1969.

A GAP, segundo a consultoria britânica Interbrand, está avaliada em US$4.040 bilhões, ocupando a posição 84 no ranking das marcas mais valiosas do mundo.

Mito ou Verdade?

A sigla GAP quer dizer: “Gay and Pround”? MITO! A origem da palavra GAP em inglês significa fenda, lacuna, referência à lacuna de mercado vista por jovens que não queriam roupas de adolescentes nem de adultos. 




Loja virtual: GAP
Blog: GAP


Nenhum comentário:

Postar um comentário